Notícias

Pacientes que precisam fazer hemodiálise pedem socorro para enfrentar pandemia

Por Redação, 31/03/2020 às 08:06
atualizado em: 31/03/2020 às 10:32

Texto:

Foto: Agência Brasil
Agência Brasil

Em todo país, mais de 130 mil pacientes precisam fazer hemodiálises que demanda circulação de três a cinco vezes por semana em hospitais. Em meio à pandemia do novo coronavírus, o diretor-geral da aliança brasileira de apoio à saúde renal, Gilson Silva, faz apelo para que os pacientes tenham um olhar especial das autoridades.

Um dos pedidos é para que sejam montados nos hospitais de campanha serviço concentrado para doentes diagnosticados com a covid-19 (doença causada pelo novo coronavírus). Desta forma, seria possível atender também os pacientes que precisam de fazer hemodiálise sem que eles corram risco de infeção.

"Eles precisam de um isolamento diferenciado. Você não pode isolá-los em casa até o vírus passar. Ou simplesmente internar em um hospital que não tem hemodiálise. Eles precisam desse tratamento. Às vezes tentamos preservar a pessoa da Covid-19 e matamos ela por outra doença", destaca.

Outra preocupação da aliança é quanto à circulação. "Essas pessoas têm que ir ao posto uma vez, duas vezes por mês para pegar remédios especiais. São muitas pessoas se deslocando. Uma pessoa poderia ser autorizada a pegar o medicamento para todo mundo. Os governos estaduais deveriam acatar isso", sugere Gilson Silva.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    ⚽️ Jogador afirmou não guardar mágoa do Cruzeiro e disse que tem amigos no clube celeste.

    Acessar Link