Notícias

Família não confirma que idosa tenha sido atacada e morta por pit bull

Por Redação , 17/06/2017 às 13:13
atualizado em: 18/06/2017 às 18:45

Texto:

Ouça na Íntegra
00:00 00:00

 

Familiares de Madalena Rodrigues, 89 anos, não acreditam que o cão da raça pit bull tenha atacado e matado a idosa, como informado pelo Corpo de Bombeiros na manhã deste sábado. O corpo de Madalena foi encontrado dentro da casa dela, no beco Paiva, na Cabana do Pai Tomaz, Zona Oeste de Belo Horizonte.

Inicialmente, o Corpo de Bombeiros divulgou que a idosa tinha sido atacada e morta pelo cão. No entanto, parentes da vítima que conversaram com a reportagem da Itatiaia suspeitam que a idosa caiu e bateu a cabeça. O cachorro, de nome Hitler, teria mordido o braço da idosa na tentativa de ajudá-la. Hitler fugiu e ainda não foi encontrado 

O caso será investigado pela Polícia Civil. O corpo da idosa foi encaminhado para o Instituto Médico legal (IML) da capital.

Escreva seu comentário

Preencha seus wdados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Em pronunciamento no rádio e na TV, Temer defende governo e critica ‘torcida organizada pelo fracasso’ -… https://t.co/oaIvlmkf4z

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Brasileirão, Libertadores e Copa do Brasil: Cruzeiro poderá jogar nove vezes em maio: https://t.co/NprZeKaQJN https://t.co/QUZO5O6ZUl

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Pronunciamento no rádio e na TV

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Maratona celeste em três competições

    Acessar Link